22/12/2008

All I want for Xmas is...

... paz! O ano está a terminar. Trouxe com ele um mundo de coisas novas, muita aprendizagem e um novo olhar sobre a VIDA. Os desejos para 2009 estão já pensados e este ano a tarefa das passas está já mais simplificada. O principal será, sem dúvida, paz, saúde, amor e união. Tudo o que de bom se lhe juntar é bem-vindo!

Vou aproveitar agora para recarregar baterias e descansar. Desejo a todos um Santo Natal e um 2009 carregado de sonhos realizados.

Até para o Ano!

26/11/2008

no meu mundo do faz de conta...

... era uma fada que percorria as cores do arco-iris e baloiçava em bolas de sabão. Saltava sobre poças de chocolate com galochas de bolacha. Corria, corria, corria. Dava cambalhotas de mamelada até ficar com a cabeça à roda. Transformava sapos em bombons trufados e as pessoas más em ursinhos de goma.

Rebolava pelos prados de algodão doce até à cascata de suspiro. E aí, no vale da alegria, mergulhava a inveja e a mentira nos lagos de rebuçado até cristalizarem em açúcar e ficarem docinhos!

Depois ficava deitada a ouvir o murmurar dos passarinhos de compota e a observar o rebuliço das abelhinhas em volta das flores de torrão. Ahhhh! E respirava o ar puro de mentol e jasmim. De um salto me levantava e de novo corria, corria, corria. Cobria a fome com um manto de pó de açúcar impalpável, reduzia-a a ponto de rebuçado até se transformar em milhares de caramelos. Pelo caminho pulverizava a pobreza com ricos favos de mel!

E já cansada, subia ao cimo do pirulito e sonhava com um mundo melhor... o mundo do faz de conta.

18/11/2008

ppssstttt...

... Estou em Marbelha em trabalho. Volto no fim-de-semana! : )

11/11/2008

Livros e DVD's para a princesa

Numa breve (que se revelou grande) visita à FNAC do Mar Shopping de Matosinhos, este fim-de-semana, ao passar pela área infantil, a Mathilde repara numa televisão onde estava a passar um DVD com as canções que ela ouve desde bebé e que agora passou também a ouvir no infantário. Começou logo a sorrir e esticou a mão em direcção à televisão.

Parei o carrinho em frente e junto a uns puffs no chão onde estavam sentadas outras crianças. Ficou muito séria a olhar para elas e depois começou também ela a cantar e a dançar. Refira-se que o cantar dela é dizer aaahhhh no final de cada refrão, do género: "O balão do João, sobe sobe pelo ar" e ela termina com "aaahhhh".
E ficámos ali até o DVD acabar. Eu cantava, ela dançava e tentava imitar-me. : )


Mesmo assim não largou os livros que lhe dei para escolher. Claro que dos 3 escolheu.. os 3! Os DVD's, os brinquedos musicais e de encaixar e os livros são efectivamente os seus brinquedos preferidos! Mas acabei apenas por lhe comprar aquele que mais lhe despertou a atenção: Noddy, Está a Nevar! O livro tem dentro umas contas a imitar flocos de neve que ela adorou. E ela que até nem é fã do Noddy gostou tanto que no final do dia já apontava para a capa do livro e dizia "ody".

Comprei-lhe mais um DVD do Pocoyo que ainda não tínhamos, ficando a faltar-nos apenas 1 para terminar a colecção. Este sim é o seu boneco preferido. Fica "presa" à televisão a ver os DVD's e assim que começa o genérico antes do episódio delira!

Estou desconfiada que a este ritmo a biblioteca dela vai ser bem maior que a nossa!

06/11/2008

Conversa em dia

Bem, a falta de tempo anda mesmo a fazer parte da minha vida nas últimas semanas. Já pareço um papagaio a repetir sempre a mesma coisa, mas isto dá-me a volta ao miolo de tal forma que não consigo fugir a este tema.

Na verdade também há alguma inércia e falta de paciência. As coisas nem sempre correm como nós gostaríamos e se nos deixamos vencer pela falta de vontade ficamos condenados à inércia. Mas não pode ser assim. Eu pelo menos tento que não seja.

Desta semana que passou há algumas novidades. Os EUA têm um novo Presidente. Obama ganhou as eleições norte-americanas e o mundo aguarda novos ventos de mudança, tendentes ao equilíbrio global. Obama tem uma dura tarefa pela frente mais que não seja pelo simples facto de não defraudar as expectivas que os mais de 130 milhões de americanos depositaram nele ao colocarem o seu voto nas urnas.

Por cá, nesta miséria de país, em que que em vez de se governar mais parece que se vende computadores, continua tudo na mesma. Crise começa a ser palavra mais usada no seio das familias portuguesas. Mas, continuamos a "vender" computadores. E não vale a pena falar nas outras desgraças. Estamos todos fartos de as conhecer, infelizmente.

Eu também acho que já chega de me lamentar, não me serve de nada. Esta semana comecei a ir à ginástica. Pelo menos fico com a consiência de que gastei 1 hora do meu dia de uma forma mais saudável e, principalmente, de que fiz algo contra a apatia do final do dia. Além disso, pode ser que no verão a figura seja mais esbelta (risos). E bem que estava a precisar porque depois de ter sido mãe ainda não tinha feito nada para aconchegar as "polpas" que sobejaram do crescimento da barriga (e afins..).

E por falar em saúde, a Mathilde anda há quase um mês com uma tosse parva, uns dias mais seca, outros com expectoração e ranhito. O pediatra não receitou nada e disse que este tipo de tosse é resultado de um conjunto de factores como as alterações climatéricas, as alergias, os infantários, etc.. Por precaução e sabendo os perigos das bronquiolites desta altura comprámos o nebulizador Artsana Pic Project. Já tinha lido e relido dezenas de artigos em blogs, sites e revistas das especialidade e fiquei ainda mais convencida quando o comprei. Começámos a usá-lo há uma semana, 2 vezes ao dia com soro. Veremos.

Este fim-de-semana vamos espairecer os três. Já estávamos a precisar.. Por isso esta noite é para arrumar a casa nas malas. Pois porque isto de sair com um bebé de 12 meses tem muito que se lhe diga..

Bom fim-de-semana a todos!

27/10/2008

Speak english?

Há pouco no café à hora de almoço entram dois estrangeiros e sentam-se. A empregada dirige-se a eles e o senhor pergunta:

- Speak english?
- Sim, responde a empregada.
- Menu?
A empregada traz-lhes o menu. Regressa uns minutos depois e o senhor faz o pedido:
- Tuna sandwich and a home salad, please.
- Sim, responde a empregada. E para beber?
- Humm?, retorquiu o senhor
Ela aponta para a vitrine das bebidas.
- 2 coke's please.
- Sim.
- Thank you.
- Sim.

Uns segundos depois chega-se à mesa a dona do café.
- Can I help you?

Sem comentários...

Ahh, para ridicularizar ainda mais a coisa, isto passou-se no Algarve..

20/10/2008

A princesa aos 12 meses


- Gatinha e quando está mais preguiçosa, Rabinha (arrasta-se sobre um joelho com uma perna deitada no chão..)
- Anda agarrada às nossas mãos
- Tem 2 dentes cá fora, um a meio e uns quantos a nascer
- Ri bastante
- Bate palminhas e faz “põe-põe galinhita o ovo”
- Abana a mão para fazer xau e diz “xa-xa” sempre que se vai embora de algum sítio ou sempre que pedimos
- Adora brincar com brinquedos de encaixar e livros
- Sabe de cor a cor de algumas peças e os respectivos encaixes nos brinquedos
- Delira com o Pocoyo
- Gosta bastante de desenhos animados musicais. Dança e olha-os com bastante atenção
- Come sozinha, com as mãos, todos os alimentos sólidos
- Adora pão e bolacha Maria entre as refeições
- Come sopa, segundo prato e fruta ao almoço e ao jantar
- Gosta de TUDO (sopa, peixe, carne, fruta)
- Bebe 4 a 5 biberões de leite por dia
- Não é muito fã de papa
- Quando nos vê ao telefone pega no que estiver á mão, encosta ao ouvido e diz “Táááá..”
- Adora água e tomar banho mas tem medo do chuveiro
- Imita o que nós dizemos, principalmente as palavras pequenas
- Abre e fecha a mão quando nos quer chamar ou quando quer que vamos ao pé dela e diz “ana” (anda)
- Sabe dizer onde está o sapo da barrinha decorativa do quarto dela
- Aponta para a barriga e diz "ki" quando perguntamos onde está a Mathilde
- Responde por Mathilde e por Princesa
- ADORA andar de baloiço. Fica eufórica
- Não dispensa a fraldinha e a chupa para dormir
- Assim que a deitamos, volta-se para o lado direito e adormece
- Quando acorda fica a tentar ouvir algum barulho e depois começa a tagarelar para nos chamar
- Enfia os braços nas mangas quando a estamos a vestir
- Quando dizemos número 1 ela levanta o indicador
- Sabe brincar ao cu-cu
- Dá muito beijinhos nos livros, nos bonecos e a nós quando pedimos. Agarra-nos a cara e lambuza-nos com a boquinha aberta
- Sabe “dá mais cinco” e “give me five”
- Quando lhe perguntamos pelo Pocoyo ou pela Kitty aponta e diz “ki” (aqui)
- Sorri para toda a gente
- Está sempre bem disposta, mesmo quando está doente
- Envergonha-se e esconde a cara com pessoas que não conhece
- Adora as outras crianças
- Põe-se de pé na cama
- Tenta imitar-nos a colocar os cintos das cadeiras de comer e do carro
- Dá o que tem na mão quando nós dizemos dá e pede-nos logo de seguida esticando a mão e dizendo “dá”
- Brinca horas a fio sentada no seu tapete de brincar na sala


Tagarelices que se entendem:

- xa-xa (xau)
- ma-ma-ma (mamã)
- ana (anda)
- tá-tá (já está)
- ki (aqui)
- ná (não há)
- dá
- alhá / aia (olá)

Expressão que usa bastante mas até hoje não sabemos o significado: ah xéxé!

00h52. Apgar 7-9. Sexo feminino. 49cm. Mathilde (post longo)



02h40. Um frio intenso desperta-me. Olho à volta e do pouco que consigo distinguir apercebo-me que estou numa sala vazia, de azulejos brancos nas paredes. Pouco mais consigo ver. Mexo-me na tentativa de me levantar para tentar perceber onde estou mas rapidamente entendo que não o consigo fazer. Sinto a zona da barriga a repuxar e a doer. “Que se passa?”, pensei. A resposta cai-me rapidamente nos braços quando uma simpática enfermeira me coloca um bebé ao lado e me diz: “Esta é a sua filha!”. “A minha filha??”, pergunto eu com alguma admiração. “Sim!”. “Vamos tentar dar-lhe de mamar?”, pergunta ela. “Sim..”, respondo ainda meio adormecida.

Olho para ela e torno a olhar. Tem a pele morena, a boquinha vermelhinha e um cabelinho de anjo que consegue escapar por debaixo do gorro cor-de-rosa. Os seus movimentos são delicadamente pausados. E as suas mãos grandes, de dedinhos compridos mexem-se em jeito de “Olá mamã, cheguei!”.

O pai entra entretanto na sala. Os olhares parecem querer parar o mundo. Estamos ali os três, pela primeira vez. As palavras saem atabalhoadas e aos soluços. E rapidamente volta a enfermeira a dizer que o pai tem que sair. Diz-me também que vai levá-la para o berçário e que amanhã a levarão para perto de mim.

Em instantes sinto um vazio imenso e tento não pensar em nada. Foi tudo tão rápido.. Apenas sei que quero que o amanhã seja breve, muito breve.

Cama 13. É aqui que vou ficar. Pouco posso fazer. Nem sequer voltar-me. Envio uns sms a avisar que estamos bem e relembro o dia de hoje.

Levantei-me hiper bem disposta e pronta para mais um dia de espera. Decidi ir tomar o pequeno-almoço à pastelaria de sempre. O telefone não pára de tocar. Todos querem saber se “está quase?”. “Tudo tranquilo”, respondo. Na verdade, sinto uma pequenita contracção muito de vez em quando. Mas nem me preocupo. Completo hoje precisamente 41 semanas de gravidez. Trocado por miúdos dá 10 meses! Ufa! Mas cada dia foi uma bênção. Nem enjoos, nem mau estar, nem dormir mal, nem nada das “mazelas” habituais das grávidas. Sinto-me apenas pesada já que conto com 18kg a mais. Mas não importa. Há dias disseram-me no Hospital que a placenta está como nova, há bastante liquido amniótico e o bebé está excelente!

Combino ir almoçar com as colegas de escritório. Às 12h41, a caminho do restaurante, já vou de bloco na mão apontando os intervalos das contracções. 12h41..12h54..13h16..13h31.. São bastante espaçadas e não há razão para alarmes. Almoço e vou para casa. As contrações aumentam e resolvo ligar ao meu médico. Às 16h00 estou lá e ele diz-me que está demorado. Nada de dilatação e bebé bastante subido. A conselho dele fomos “subir e descer” montes na pick-up para ajudar no processo de descida do bebé. Foi uma aventura claro.. E as contracções a aumentar.. Às 17h30 estou de volta ao consultório. Conto-as de 30 em 30 segundos, com uma duração de cerca de 20 segundos cada. Ele diz-me que continua subida e não há grande evolução. Mandou-me ir subir e descer escadas para o shopping. Lá fomos. 19h00 e estou novamente no consultório com umas dores terríveis que nem me deixam estar sentada. Novo toque e boas noticias! “Agora sim! Já tem 3 dedos de dilatação. Vou escrever uma cartinha e vai já para o hospital”.

São 19h40. Chegamos ao balcão, faço a ficha, subo ao 5.º piso e aguardo na sala de espera. 10, 15, 20, 30 minutos à espera e cheia de dores. Lá se resolvem a chamar-me depois de um pai em espera ter reclamado em meu auxílio. Sou examinada e concluem que estou em trabalho de parto com 4 dedos de dilatação. Sigo para a sala de partos n.º 4 e espero que venham ter comigo. 10, 15, 20 minutos. E eu em delírio absoluto com as dores que aumentavam de minuto pra minuto.

Entra o aparato de enfermeiras. Colocam-me as cintas, o aparelho de medir a tensão, o soro e preparam o cantinho da Mathilde. Há muitos risos no ar e conversas. Faço-as rir e elas a mim. Contamos histórias e nem dou pelo tempo passar. Chega o pai de bata verde e senta-se ao meu lado. Novo toque e 5 dedos de dilatação. São quase 22h00. O polígrafo sai do papel a cada nova contracção. São extremamente fortes e insuportáveis. A anestesista chegou e enrolo-me toda para receber a epidural. 20 minutos depois deixo de sentir a perna esquerda mas as dores mantêm-se. Chamam a anestesista que me dá nova epidural porque o cateter se tinha movido.

Entro em desespero e por 2 vezes perco o controle mas tudo passa. A enfermeira rebenta-me as águas e faz novo toque. Não evoluiu e o bebé continua muito em cima. As contracções são agora mais fortes que nunca e chega a vontade de puxar. Dizem-me para aguentar. Reforço de epidural. 23h30 talvez.. Oito dedos de dilatação. “Já lhe sinto o cabelo”, diz a parteira. Estou deitada de lado e estafada. O bendito “pode fazer força” é chegado! Ok. Vamos lá. Força, força, força!... Mais uma vez.. Olho para a cara da parteira que não é muito animadora.. Ouço ela dizer “esta ao menos sabe fazer força bem, ao contrário da que está ali ao lado”. Fico contente, e continuo a fazer força acreditando que o fim está mesmo a chegar. 00h20. A parteira chega-se perto da minha cara, passa-me a mão pela testa e diz-me: “Minha querida, o bebé continua muito em cima e como já ai está há 41 semanas temos medo que entre em sofrimento e decidimos que é melhor ir para cesariana”.

Olho para o pai. Ele olha para mim. As lágrimas calam o olhar. Entrego-lhe os óculos e levam-me pelos corredores para a sala de operações. Por entre o rodopio das enfermeiras vejo os tão característicos projectores redondos do tecto da sala. A anestesista levanta a voz e diz: “Acabou a conversa agora! Não há tempo a perder!”. Vejo o lençol verde de buraco no meio a cobrir-me e o tubo da anestesia geral em direcção à minha cara. E adormeço...

P.S - Princesa, este post é para ti! Aqui etrás sempre uma recordaão dos momentos que antecederam o teu nascimento. Espero que gostes!

12/10/2008

Há precisamente um ano...

... estava assim. Completava 40 semanas de gravidez. Anseava pela chegada da Mathilde que só viria a acontecer uma semana depois, precisamente às 41 semanas.

Na primeira foto a barriguinha já denunciava as 10 semanas. Mas nada fazia prever aquela barrigona de fim de gestação. : )

10/10/2008

Tempo e amizade

O fim-de-semana está mesmo aí a chegar. E eu nem dei por esta semana passar.. Há sempre tanta coisa a fazer todos os dias. E o fim-de-semana lá vem dar algum amparo ao cansaço que se vai instalando em nós nos 5 dias que o antecedem. Às vezes ainda penso que queria voltar a estudar e tirar o meu mestrado, ou fazer algumas formações que tenho debaixo de olho. Mas.. não tenho tempo. Pelo menos pra já. Já se vem tornando hábito eu vir aqui desabafar sobre a falta de tempo, eu sei. Mas desde que sou mãe o tempo ganhou asas e às vezes até parece que nem o vejo.

Hoje estou num daqueles dias em que até os ossos reclamam sossego e silêncio. Ando cansada da sociedade. Acho que as pessoas estão cada vez mais mesquinhas, mais invejosas e menos humanas, que é o que realmente importa nesta vida!

Deixa-me triste que muitas vezes se esqueça o significado da palavra amizade. Acho mesmo que muita gente nem sabe bem o que isso é. E por isso, e em jeito de desabafo, aqui fica a minha definição do que é SER AMIGO.

É dar sem esperar nada em troca. É fazer sorrir quando nos recebem com olhar triste. É ter uma palavra amiga sempre. É estar longe na distância mas perto em pensamento. É partilhar alegrias e tristezas, experiências e resultados. É estar presente nos bons e nos maus momentos. É sentir alegria e felicidade pelas suas conquistas e alegrias. É gostar de saber que estão sempre por perto mesmo sem não nos vermos ou nos falarmos. É ter a certeza que quando ligamos estão sempre prontos para um café e um dedo de conversa. É entender. É dizer o que pensamos sem ofensa. É não exigir atenção.

E acima de tudo, é saber respeitar o espaço e o tempo de cada um, não se melindrar porque nos damos mais com este ou com aquele, e nunca deixar de se comportar connosco da mesma forma como sempre se comportou.

Obrigada por "me lerem" e estarem aí. Beijinhos, abraços e bom fim-de-semana a todos!

07/10/2008

Está a chegar....

....... mais um dentinho!!!! Agora é um incisivo central inferior. Cá pra mim ele leu o meu post e não quis ficar para trás.. eheheh

03/10/2008

Ser Mulher

Sempre tive alguma noção de o tempo corre mas nos últimos meses sinto que o tempo nos vence sempre na corrida diária contra ele. As 24 horas do dia bem se podiam multiplicar que mesmo assim, me parece, não seriam suficientes.

Saio de casa cedo e chego tarde. Divido o meu tempo com a filha, o marido, a casa, a roupa, as refeições.. No fim do dia fico sempre com a sensação de que EU não não tive tempo pra MIM... E é bem verdade. Olho para a unhas e penso que não vêem verniz há semanas.. O cabelo anda preso ao elástico para não se notar a revolução em que anda.. Sinto a garganta a doer e nem me lembro que ainda não tive tempo para ir buscar a roupa de meia estação.. Ponho um relógio e vejo que não tem pilha.. e acabo por reparar depois que tenho uns 4 ou 5 no mesmo estado.. Continuo a usar sapatos de verão porque os de meia estação não têm capas nos tacões.. E hoje rasgou-se uma lente de contacto.. porquê?.. porque são mensais e esta já deve ter uns 3 meses de uso.. Enfim..

Por mais que me desdobre não consigo esticar o tempo e as prioridades acabam por ser sempre as dos outros. Faço-o com gosto e dedicação, bastante! Gosto de vestir a princesa de manhã e deixá-la no infantário. De sair do trabalho e ir ás compras para o jantar. De Vê-la a bater palminhas quando a vou buscar. De brincar com ela quando chegamos a casa. De lhe dar o leitinho da tarde. De a deitar para a sesta antes de jantar. De cozinhar para nós. De fazer a sopinha da filhota. De lhe dar de comer. De deixar a cozinha arrumada antes de me deitar. De brincar com a princesa antes de ela ir dormir. De arrumar a roupa dela e assegurar-me que está tudo pronto para o dia seguinte. De esperar pelas 23h30 e lhe dar o último biberão com ela meio a dormir. De arrumar a roupa passada..

E depois... são 24h00 e está mais que na hora de dormir. Amanhã começa tudo de novo!

01/10/2008

Porque hoje se comemora o Dia Mundial da Música..

..e porque o fado é a expressão máxima da nossa cultura musical.. uma música que me diz muito!

"A música é o remédio da alma triste." (Walter Haddon)

29/09/2008

docinho docinho

Sabem qual é a coisa mais doce do mundo?

É pedir um beijinho à princesa e ela agarrar-me a cara com as mãozinhas e de boquinha bem aberta me lambuzar a cara toda num beijo enorme e docinho!

23/09/2008

"Somos do tecido de que são feitos os sonhos"

"Hoy te prometo
amor eterno
Ser para siempre
tuyo en el bien e en mal
Hoy te demuestro
cuanto te quiero
Amamdote hasta mi final"

23.09.2006
Parabéns a nós!






22/09/2008

knock..knock..

16h44. A hora já estava marcada para a sua chegada mas parece que se antecipou e resolveu chegar mais cedo, sem avisar. Pelo menos a chuva e o frio anunciaram logo cedo a sua chegada.

O dia acordou mais triste e embrulhado. Talvez o Verão não se quizesse ainda despedir.. Mas tem que ser pois a mudança para a Hora de Inverno também chega já no próximo fim-de-semana.

E o Outono prolonga-se até ao próximo solstício, que ocorre a 21 de dezembro com a entrada do Inverno.

..Só espero é que não nos traga tantos dias como o de hoje.

Dentinhos

Nós não nos lembramos, e ainda bem que não, do sofrimento que é o nascimento de um dente.. Mas acho que quando nascem os dentinhos dos nossos filhotes conseguimos, de alguma forma, imaginar a dor que sentem..
A Mathilde está agora a passar por essa fase menos boa. O primeiro dentinho já espreita a um milimetro de fora da gengiva e trouxe consigo uma valente constipação com direito a nariz a pingar, tosse, febre e olhinhos congestionados. E dor, muita dor!
E, para contraiar a regra, em vez de um incisivo central inferior, veio um incisivo central superior.. logo dos grandes..
Afinal, é bem dificil ser bébé..

16/09/2008

..pukaninos..

Hoje de manhã assim que entro na sala da Mathilde para a deixar, chega-se imediatamente um pequenino da sala dos 2 anos ao pé de mim e diz:
- É a Mathilde!!
- É sim!, respondo.
E diz ele logo de seguida:
- Olha.. ela é muito "pukanina"!
Eu sorri pra ele e coloquei a Mathilde no chão.
Ele deu-lhe logo a mão, deu-lhe um beijinho e disse-lhe:
- Anda "pukanina" Mathilde. Eu cuido de ti!
..É nestas alturas que nos sentimos tão pukaninos, pukaninos...

08/09/2008

Era uma vez..

... uma princesa docinha, docinha como um brigadeiro de coco trincado num fim de tarde solarengo. De pele branca e olhos verde garrafa. Grandes! De pestanas compridas. De boquinha desenhada a lápis rosado bem afiado que solta sons atabalhoados numa converseta sem fim. De bochechas de algodão. De mãozinhas delicadas que abanam docemente em alguma despedida: "xa.. xa.. xa.." De pezinhos rechonchudos que percorrem em segundos o caminho dos nossos passos. De beijinhos grandes que nos lambuzam a cara toda. E de cabecinha encostada ao ombro quando o oh-oh se pendura nas pestanas e as torna pesaaddaasss..

Esta é a minha princesa! A do meu conto de fadas!

03/09/2008

..pé de meia..


Mas se há coisa que me custa no fim do verão é guardar as havaianas... Aiii.. Se os crocks já chegaram com o "casaco de inverno" porque não fazem o mesmo com as havaianas??


Bom.. há falta de melhor, fica a sugestão. Eu uso-as assim, embora a foto não seja minha. Por isso não se espantem se algum dia destes vos receber em minha casa de havaiana em pé de meia!

01/09/2008

Boring days are coming..

E o verão chega ao fim. Pelo menos pra mim. Setembro promete dias quentes, diz a meterologia, mas o sabor do verão já se foi com o Julho e o Agosto. Até porque o trabalho já começou, o infantário também e agora os fins-de-semana são mesmo para descansar!

Fica a saudade e a esperança de que o Inverno não chegue muito frio. Até porque detesto casacos! E guarda-chuvas.. E andar cheia de roupa.. E chegar ao trabalho num pingo.. E ver a roupa pendurada no estendal dias a fio até secar.. E os dias escuros.. E as saídas limitadas... E andar com o guarda-chuva atrás.. E dormir atafulhada em mantas... E.. E.. bahhhhh.. Como detesto o inverno!

Ainda assim, a única coisa que me alegra é que no meio disto tudo vêm os fins-de-semana à lareira a ouvir estalar o fogo.. As tardes de batota nas cartadas com amigos.. O(s) chá(s) de Inverno!.. Chocolate quente!.. Tardes de cinema.. Sopinhas quentinhas..

Ok Ok.. O Inverno não é assim tão mau.. Mas isto aos pés do Verão está muiiitttooo longe de se tornar apetecível. Pelo menos para mim!

Regresso.. saudades.. e boa semana!

26/08/2008

Cromos.. do estendal..

Vocês acreditam que alguém teve a lata de vir a minha casa de madrugada, abrir o portão da frente e ir ao quintal, às traseiras, roubar 3 peças de roupa de homem?? Ainda pensámos que fosse brincadeira mas desistimos. Depois pensámos que tivesse sido algum "agarradinho" que com falta de roupa tivesse levado as 3 unicas peças escuras para não dar nas vistas depois ao usá-las. Mas não.

Hoje o marido foi comprar uns calões para substituir os dois pares roubados e já na loja comenta com o amigo o que lhe tinha acontecido. O outro prontamente responde-lhe que ele não foi o único e muita gente já se queixou. Pois ao que parece que andam por aí uns miúdos engraçadinhos a roubar roupa de marca (neste caso foi Volcom). O sistema é o mesmo e o tipo de roupa também.
Por isso, fiquem atentos e não deixem a vossa roupa no estendal à noite. Cá em casa, o estendal já está "armado" para os próximos engraçadinhos. Grandes cromos realmente!...

24/08/2008

Pedaços de Nova Iorque e uma mala cheia de boas recordações

Quem conhece jamais esquece. Quem não conhece imagina uma cidade frenética, de ruas e ruelas a perder de vista, de fast food e subway's, de magia como no cinema e de tantas outras fantasias que o imaginário constrói.

Nova Iorque é um pouco de tudo isto e muito, muito mais. É a confusão mas é também a magia, sem dúvida. É muitos mundos num só. Uma miscelânea de culturas mas dona de uma cultura muito própria.

Não admira que cada vez que lá vá, venha mais fascinada e ao mesmo tempo muito cansada. A cidade não pára e em Manhattan o tempo voa e as pessoas correm. Estimam-se cerca de 1 540 000 habitantes. Nas ruas confundem-se cheiros, cores, raças e línguas.

Este ano os passeios foram mais curtos porque com um bébé não é fácil percorrer as ruas de Manhattan, muito menos andar no subway. Mas há sitios de visita obrigatória e que desta vez não foram excepção. Houve também tempo para matar as saudades dos bagels, das slices de pizza da Grand Avenue em Astoria, dos cafés do Starbucks, dos gelados da Cold Stone, dos hot dogs à boca do subway...

Enfim, foi bom voltar. É sempre bom estar perto da familia que não vemos sempre. E no fim é sempre bom trazermos uma mala (quero dizer.. 4..) carregada de boas recordações
!

Manhattan by night e Triboro(ugh) Bridge ao final do dia


Grandes marcos de NY.. 5th AV, Empire State Building, Times Square, Estátua da Liberdade

Típico vendedor de hot dogs e pretzels, esquilo no Central Park e Jones Beach

Fantástico bolo de gelado da Carvel, slice de pizza da Grand Avenue, mocha e iced vanilla coffe do Starbucks, bagels simples, com sementes de sésamo e de canela e passas (que vieram na mala para Portugal) e banca de legumes do Trade Fair, em Astoria



Soube a pouco, como sempre! See you soon NY!

10/08/2008

Boas férias!

Vou de férias e se não conseguir passar por cá antes, até dia 23!
Bom verão e boas férias a todos!
Bjs

08/08/2008

It's time to

Começam hoje e acabam no dia 31.. Chegou o descanço! ou não.. ; )

07/08/2008

Rosa carmim


Sai de mansinho de casa. Bem arranjada e penteada. E perfumada como convém. O pó solto sobressai-lhe as maçãs do rosto ameninado. E nos lábios um toque de batom de brilho acentua o sorriso rasgado que a caracteriza.
Na rua ninguém fica indiferente à sua presença.
"Boa tarde menina!", ouve-se à sua passagem. Ela sorri, acena docemente e continua o seu caminho em passos largos. Vai procurar a felicidade, revelava o seu pequeno diário. E como a alegria transbordava das suas palavras.. Mas Rosa nunca foi sábia na escolha das suas paixões. Nestas coisas o coração é quem manda e isso não podemos contrariar, dizia.
Rosa chega finalmente ao seu destino. O relógio marca 10 minutos antes da hora marcada. Rosa não perde tempo e de espelhinho em punho, ajeita os seus rebeldes caracóis cor de canela. Sorri e olha novamente ao relógio. Passa as mãos levemente pelo vestido e aguarda anciosamente que os dez minutos corram.
14h00. O coração bate em ritmo acelerado e as mãos transpiram. Rosa está impaciente. São 35 anos à espera do amor eterno, como teima em lhe chamar. Não quer acreditar que esta seja mais uma rasteira da vida. Não será. Os segundos esfumam-se e o Francisco teima em não aparecer. 14h30. Nem sinal. Rosa tira da mala um pequeno papel amaxucado e torna a ler o rascunho da mensagem que lhe tinha deixado em letras miudinhas: "Às 14h00 espero-te no jardim do sol nascente. Com saudade, Rosa carmim."
Era tudo tão perfeito! Tinhamo-nos visto a primeira vez num final de tarde na praia. Lembro-me do seu tom de pele dourado. Dos cabelos molhados a pingar água salgada na minha cara quando nos conhecemos. Desde esse dia tinha pouco nos tínhamos visto. Trocávamos mensagens de desejo. Calorosas. Estava apaixonada e apesar de resistir a todas as tentativas de contaco mais próximo, o desejo tornava-se incapaz de controlar. O medo e a mágoa do passado não me deixavam continuar. Mas, naquele dia o impulso de Francisco fora mais forte. O beijo aguçou o desejo e a noite pareceu não ter fim. Não estava em mim. Ao chegar a casa ainda trazia o seu cheiro entranhado na minha pele. O sorriso transbordava da minha face. Deitei-me ainda no sonho e desejei que aqueles momentos se tornassem a repetir, muitas e muitas vezes.
15h05 e Rosa continua sozinha. O vestido está feito num trapo das vezes que já se sentou e levantou em desespero. Na mão direita segura de punho cerrado o pequeno papel amaxucado. De olhar perdido no vazio, Rosa regressa a casa em passo curto e pesado.
"Boa tarde menina!", ouve-se à sua passagem. Rosa prossegue de cabeça baixa. Entra em casa de mansinho, abre o seu pequeno diário e escreve: "O meu sonho já não mora aqui. Rosa carmim".

06/08/2008

Para ser mamã...

Esta é especialmente dedicada às minhas amigas que vão ser mamãs brevemente (Rita, Jana, Vânia, Marta e Andreia)!

"Caminhava com a minha filha de 4 anos, quando ela apanhou qualquer coisa do chão e ia pôr na boca. Ralhei com ela e disse-lhe para nunca fazer isso.
- Mas porquê?, perguntou ela.
Respondi que se estava no chão estava sujo e cheio de microbios. Nesse momento, a minha filha olhou-me com admiração e perguntou:
- Mamã, como sabes tudo isso? És tão inteligente...
Rapidamente refleti, e respondi-lhe:
- Todas as mamãs sabem estas coisas. Quando alguem quer ser mamã, tem que fazer um teste e tem que saber todas estas coisas, se não não pode ser mamã.
Caminhámos em silêncio cerca de 2, 3 minutos. Vi que ela pensava ainda sobre o assunto, e de repente disse :
- Ah, já percebi. Se não passasses o teste, tu eras o papá .
- Exactamente, respondi com um grande sorriso na boca."

Um grande beijinho a todas e excelente continuação de gravidez!

04/08/2008

Dia 11

É estranho mas assim que escrevi o título do post que só me vem à cabeça o 11 de Setembro.. caramba.. o voo está marcado desde Junho e só agora pensei nisto.. Enfim. Nada de superstições! detesto isso. Também não é a 11 de Setembro que vamos mas sim a 11 de Agosto! Vamos voar até casa. Ou até à familia. O marido vai matar saudades da sua terra natal e da familia e a filhota vai conhecer a madrinha e os primos. Vai ser a sua primeira viagem de avião. Estou espectante (e com algum receio, confesso). É engraçado, o pai veio pela 1.ª vez a Portugal exactamente com a mesma idade que ela vai a NY, 10 meses (+/-).

Eu conheci NY em 2005 e fiquei apaixonada. Era exactamente como eu imaginava! Movimentada, sobranceira e cosmopolita. Mágica também. Mas acho que não vivia lá. Não sei. Sou muito acomodada ao meu sossego.

Daqui a uns dias lá estarei de novo. Big apple, pizza, muffins, ice-cream with brownies, starbuck's, bacon & eggs, downtown, macy's, subway, WTC, Central Park, chinatown, Times Square, Rockefeller Center.. E este ano vai ser tudo melhor porque a filhota vai lá estar connosco! Regressamos dia 22.

01/08/2008

28/07/2008

Do mais puro que há..

Depois de soprar as velas do meu bolo de aniversário, dei uma delas à minha priminha de 4 anos e disse-lhe:

- Sabes o que tens a fazer?
- Sim! Mordo e peço um desejo não é?, responde
- Sim. Então vá que a prima morde esta e pede também um desejo.
(Fez-se silêncio)
Olhámos uma para a outra a segurar as velas mordidas e eu pergunto:
- Posso saber qual foi o teu desejo? (isto pra tentar perceber qual seria o desejo de uma criança de 4 anos naquele momento..)
Responde ela prontamente:
- Uma fatia de bolo!!

25/07/2008

rapidinha

Bolas que esta semana passou mesmo a fugir.. Ainda ontem estava a dizer boa semana e hoje já é outra vez bom fim-de-semana! Pareceu-me mais curta.. Talvez porque tenha ficado um dia em casa, não sei.
O fim-de-semana promete!
Por cá a animação vai ser mais que muita. É a Feira da Serra de São Brás de Alportel, o Festival da Ostra em Tavira, as Noites da Moura Encantada em Cacela Velha, o Torneio Internacional do Guadiana em Vila Real.. enfim.. para todos os gostos!
Pena é ser mesmo tudo ao mesmo tempo.. o fim-de-semana são só dois dias.. mas sobre isso abstenho-me!

Mas falando de coisas melhores, amanhã há festa! A dos "inta"!! E a esta eu vou! ; )


23/07/2008

Aniversário e Desejos


Ontem estava a pensar que nos deveria ser permitido pedir 12 desejos cada vez que comemoramos um aniversário. Como se faz na entrada de cada novo ano. Comemos as passas e pedimos 12 desejos. Já existe a tradição de morder uma vela, pedir um desejo e oferecê-la a uma pessoas que é pra nós especial. Ok. Mas assim passariam a ser 12 e não 1 apenas. Não é que sirva de muito mas a esperança de que os desejos se podem realizar está lá e sempre nos acalenta um pouco a alma. Acho que nos habituámos a viver assim, à espera que os nossos desejos se concretizem mais cedo ou mais tarde, sejam eles quais forem.

Por isso ontem decidi que agora todos os anos no meu aniversário vou formular 12 desejos. Mas não vou ficar de braços cruzados à espera que eles se realizem. Vou fazer para que isso aconteça.

Há sempre mais que doze mas eu contento-me com estes e para este ano as dentadas nas velas revelam o seguinte: 1 - União e harmonia na familia 2 - Paz, muita paz 3 - Tanquilidade interior 4 - Saúde e dormir 5 - Compreensão e mudança da TUA parte 6 - Muito amor e carinho 7 - O melhor para a princesa 8 - Novas perspectivas profissionais 9 - Duas viagens 10 - A correção da miopia

E pronto, ontem entrei nos "inta".

21/07/2008

Bom dia e Boa semana!

Não posso dizer que tenha dormido bem hoje, aliás, não sei mesmo quando algum dia vou voltar a ter essa sensação, mas até acordei bem disposta. O fim-de-semana foi como todos os outros, é verdade mas agora têm um gostinho diferente. A Mathilde tem estado meio doentita e ontem estava de tal forma rabugenta que me conseguiu deixar de cabelos em pé. Mas enfim.. faz parte! Ontem fez 9 meses.. o tempo passa mesmo a correr, pensei. Há 9 meses atrás andava quase com um carrinho de mão pra segurar a barriga enorme que já tinha e já contava os dias para ela nascer, embora Outubro ainda estivesse longe. Nesta altura ainda nem sequer adivinhava que ela viria a nascer de 41 semanas... Estava bem cá dentro, diziam-me no hospital, porque nem na hora da expulsão ela quiz sair... E agora já tem 9 meses. Tempo passa!
Boa semana!

17/07/2008

DESIGNFORFUTURE 08

Um olhar inovador do tradicional e popular.
De visita obrigatória! 24 Julho-19 Agosto, Museu da Cidade de Olhão (Algarve)
Para os que não estão cá, dêm uma vista de olhos em www.designforfuture.org

"A cultura tradicional é o resultado de uma identidade local e de uma experiência social únicas. A cultura contemporânea toma a forma de produto da vida urbana, da reflexão global, e de uma economia em constante mutação e quase irracional. O popular e o artesanal sofrem as conotações de um passado obsoleto, de objectos com normas estáticas e imutáveis. Mas tradição é muito mais do que uma colecção de artefactos ou rituais objectificados, pelo contrário, o tradicional comporta mecanismos singulares de transformação, invenção e até de renovação. Compete às disciplinas da inovação, como a arte e o design, catalisar este potencial e desenhar os modos para devolver o "popular" à tradição.
Um futuro promissor depende muito de como a tradição resolverá a sua complexa interacção com a modernidade. Ou, melhor, como a contemporaneidade apreenderá a cultura tradicional como o seu mais eficiente mecanismo de inovação."

Um, dois, três, uma colher de cada vez..


.. não é de sopa, é de PACIÊNCIA e TEMPO!
Há dias em que, sinceramente, mais vale nem levantar a pestana e ficar debaixo do lençol. Levanta-se uma pessoa às 7h15, aperalta-se toda porque tem um evento marcado para as 09h00 e quando lá chega, ninguém sabe de nada... Já no escritório, ligo e volto a ligar e nada. "Não sei de nada minha senhora.."

Deixei recado às 9h00 para me ligarem de volta e.. NADA! Típico do português... Valha-me a Santa Paciência!... Continuo à espera...

16/07/2008

...é HOJE..

... o dia escolhido para lançar este meu novo (velho) blog, o Figo Lampo. Já sei, já sei.. com o este também foi assim! Mas sabem que eu tenho a mania dos perfeccionismos e enquanto não tenho a casa arrumada a meu gosto não recebo os amigos. E se soubessem as voltas que ele deu... Começou em Fevereiro mas já aí está. Os que me conhecem entendem facilmente o título. Mas a blogosfera é um mundo e os que hoje me passam a conhecer ficam desde já também a saber que ADORO figos! Apanhá-los da árvore e comer.. Humm...

Ok... Ok.. o título também podia ser Ostra.. Mas mais blogs virão (a eterna falta de tempo..).
Não escolhi a data, apenas decidi que seria hoje. Espero que se sintam "em casa" e que façam vossas as receitas que a partir de hoje convosco partilho! O prazer é todo MEU!

tic tac.. tic tac.. tic tac..

Corro corro sem parar. Mais depressa! Temo olhar pra trás. Sei que ele está perto, muito perto. Ruas e ruelas. Um beco sem saída. Não! Não pode ser por aqui. Corro pela rua do lado. Não posso parar. Olho para trás. A sombra está cada vez mais próximo. Veste-se de castanho, tem um ar temível e na mão segura uma faca que escorre sangue de mais uma vítima. Olho em frente e de repente esbarro nele.. Grito. O sangue foge-me das veias. Pânico! Não consigo soltar um ai sequer. Tenho a faca encostada à garganta e a mão dele na minha anca. É noite cerrada e não há ninguém na rua. Quero fugir mas não consigo. E é então que começa a descer lentamente a faca até ao meu peito murmurando: "a tua vida pertence-me... quero o teu coração.." Nãããããooooooooo!!!!!! O impulso é veloz. O cabo da faca está agora na minha mão. Sangue, muito sangue. Nãããõooo! Sustenho a respiração e olho para ele. Sinto a faca a fugir-me da mão. Ele cai de redondo no chão. O sangue.. o sangue é dele.. eu.. eu... mateio-o! Não. Não pode ser. Tenho que fugir, rápido.............

Imagino que estão agora a pensar: "esta passou-se de vez.." ou "anda a ver muitos filmes de terror"..

Eu explico. Quis apenas partilhar convosco parte das minhas noites. São mesmo assim. Cheias de sonhos e mais sonhos e mais sonhos. Ou direi melhor, pesadelos e mais pesadelos e mais pesadelos.

É assim todas as noites..

11/07/2008

Pssssstttttt.....

Fui até à praia! Volto... na segunda-feira!
Bom fim-de-semana!

dançar, dançar, dançar..

Finalmente chegou a vez do Sotavento receber um espaço glamoroso de animação nocturna na praia. O conceito do programa é o de "discoteca ecológica", em pleno areal, sempre com a preocupação de não prejudicar o ambiente natural.

O Manta Beach Club, na praia da Manta Rota, é uma estrutura inovadora que assenta numa semi-esfera de 19 metros, com bares em tendas, espaços dedicados ao relax com poufs e espreguiçadeiras e, claro está, uma área VIP .

A inauguração é já no dia 18 de Julho com Pablo Ceballos a animar as hostes. O espaço promete e o programa de festas também. Até 31 de Agosto.

10/07/2008

É o que temos... infelizmente...

Já vos tinha falado de como estão as coisas por cá nesta altura. Da falta de paciência e bom senso das pessoas. Pois não quis deixar de vos contar a cena com que me deparei ontem.
Quase a chegar a casa, sou obrigada a parar a meio da rotunda atrás de três carros que pararam repentinamente. Pensei: "aconteceu alguma coisa..". Fiquei à espera e entretanto vi sair de cada um dos dois carros da frente dois condutores do sexo masculino na casa dos 30 e tal anos.. Fiquei mesmo a pensar que tinham batido e então resolvi contornar os carros pela direita e seguir o meu caminho. Qual não é o meu espanto quando ouço insultos, cobras e lagartos e muito esbracejo no ar. Ora nem mais.. Logo a seguir foi estalo e soco, qual luta de gangs.. Parece mentira.. Nem queria acreditar. Palavra! Páram no meio da rotunda porque se picaram um como outro e resolvem a coisa à estalada! Afinal, bom senso é coisas que não há mesmo por cá...

09/07/2008

mal-me-quer.. bem-me-quer..

Hoje não deveria ser dia. A noite não deveria ter acabado. Estou aqui mas não estou.
mal-me-quer.. bem-me-quer.. nada

Outra vez esta sensação de vazio, de apatia desmesurada que me precorre o corpo.

Incapaz de reagir. Incapaz de querer pensar que o amanhã será melhor.

A história é a de sempre. Mais do mesmo e todos os dias igual. O ontem nada trouxe de novo.

mal-me-quer.. bem-me-quer.. pouco

Quero convencer-me de que as palavras de ontem não devem ficar a fazer eco na minha cabeça.

Não podem ficar. Quero acordar do marasmo e acreditar que este peso vai-se dissipar rapidamente.
Eu não sou assim! Arghh..

mal-me-quer.. bem-me-quer.. muito

Aceito mas coloco imadiatamente de lado. Não sou pessimista. Nunca fui!!

Gosto de estar de bem com a vida. De tropeçar constantemente na alegria. De cair de felicidade. E acima de tudo, gosto de mim! Não apago nenhuma das memórias desta vida. O bom e o mau construiram a mulher que sou hoje. E é assim que vai continuar a ser!

...bem-me-quer...!

07/07/2008

Boa semana!

Ostras a... "montes"!

Estou contente, muito contente! Parece que finalmente se renderam aos encantos da nossa pérola da Ria Formosa!
Por um lado, a autarquia de Tavira decidiu criar o I Festival da ostra da Ria e outros mariscos que decorre já nos próximos dias 25, 26 e 27 de Julho.

Por outro, António Quina (d'A Vida é Bela) abriu o Pérolas a Porcos, bem no coração da Ria. Um espaço lounge que promete reinventar a forma de comer ostras e fazê-las de mil e uma maneiras.

Confesso que estou um pouco curiosa porque pra mim as ostras são cruas. Bem, uma coisa é certa.. EU VOU!

UM-DÓ-LI-TÁ...


O tempo está literalmente às avessas.. Lembro-me de nos últimos anos estar constantemente a refilar porque em Agosto, mês das minhas férias, o tempo estava sempre ventoso e frio ao invés de Julho, em que fazia um calor insuportável.

Agora.. não entendo. Julho chegou com calor, de facto, mas também trouxe muito vento e frio à mistura. As manhãs e as noites são geladas.. à noite então é uma ventania tonta que leva tudo pelos ares..
Ora isto significa que a minha princesa não vai pôr os pés na praia este ano, pelo menos pra já.. É que nos únicos momentos em que ela pode ir à praia, de manhã cedinho ou ao fim da tarde, está um frio ventoso que só mesmo de casaco...

03/07/2008

A história da estrela do mar

Um pequenino grão de areia
Era um eterno sonhador
Olhando o céu viu uma estrela
Imaginou coisas de amor

Passaram anos, muitos anos
Ela no céu, ele no mar
Dizem que nunca o pobrezinho
Pode com ela se encontrar

Se houve ou se não houve
Alguma coisa entre eles dois
Ninguém sabe até hoje afirmar
O certo é que depois, muito depois
Apareceu a estrela do mar.

Recebi hoje de uma grande amiga e tive que partilhar! Adorei linda! BJ GRD

Para descontrair..

Curso básico de espanhol/inglês/espanhol

MODULO BÁSICO
Tres brujas miran tres relojes Swatch. ¿Cual bruja mira cual reloj?

En ingles:
Three witches watch three Swatch watches. Which witch watch which Swatch watch?

MODULO AVANZADO
Tres brujas 'travestis' miran los botones de tres relojes Swatch. ¿Cual bruja travesti mira los botones de cual reloj Swatch?

En ingles:
Three switched witches watch three Swatch watch switches. Which switched witch watch which Swatch watch switch?

...Y ESTE ES PARA MASTERS:

Tres brujas suecas transexuales miran los botones de tres relojes Swatch suizos. ¿Cual bruja sueca transexual mira cual boton de cual reloj Swatch suizo?

En ingles:
Three Swedish switched witches watch three Swiss Swatch watch switches. Which Swedish switched witch watch which Swiss Swatch watch switch?


02/07/2008

Finalmente o resultado...

Chegou na sexta. Não é que eu entenda alguma coisa do que vem naquelas 20 páginas de registo poligráfico mas à primeira vista garanto-vos que quando olhei me parecia um sismograma de um tremor de terra de grau 7 ou 8 e não um sonograma.....
Resumo do relatório: Eficiência do sono muito reduzida. Frequentes despertares e multidespertares. Periodo de REM: 00:09:00.....................................................
Estão vcs a perguntar que raio estou eu a dizer.. lol.. está aqui tudo! ; )

Novos sons!


A princesinha descobriu que o B e o T também fazem parte do abecedário.

Agora a converseta tá mais composta e já tem novos sons:

ada ada ada.. ba ba bau auau.. ta ta ta...

30/06/2008

Algarve, Um lugar ao sol. Perdão, corrigo: Algarve, Um lugar, só ao sol.


Por cá já estamos assim!..

..Fechado pra férias..

Todos os anos nesta altura é assim. Portugueses, na maioria, e estrangeiros chegam de malas e bagagens para as tão esperadas férias de Verão. Demora muito pouco até que tudo fique saturado..
O trânsito no centro da cidade e nos acessos às praias, o estacionamento, os supermercados, os cafés e restaurantes, a praia, os bares.. Ir ao supermercado ao fim da tarde é tarefa non grata porque nas prateleiras resta apenas o que está podre, amassado ou aqueles produtos que ninguém consome.. Andar de carro é um deafio à paciência.. Qualquer sitio serve para encostar e ir comprar o pão para as sandes, pra comprar o jornal, ou até mesmo pra insultar aquele que também estacionou por segundos (dizem eles) pra ir já ali e voltar..
Não critico de forma nenhuma todos os que escolhem o Algarve para passar as suas férias, muito pelo contrário, mas acho que o bom senso e o respeito pelo próximo são máximas a usar e abusar nestas alturas.

Este ano há quem fale em menos ocupação, menos gastos, menos turistas.. Por cá quer-me parecer que há tanta ou mais gente que nos outros anos... A ver vamos. O verão ainda agora começou e já não há lugar pra estacionar e vir trabalhar.. Alguém se importa de fechar a porta pleassseeee!

...Sai uma dose extra de paciência pra mim...

27/06/2008

Saudades

De estar assim sobre o mar.

Principalmente naqueles dias em que uma ou outra ondinha desafiam a quietude do mar.
E como eu adoro ficar ali, de braços abertos, a boiar no sal do mar.
E depois, voltar para a toalha e apanhar "beijos" de sol.
São assim as pequenas grandes coisas da vida que me deixam feliz!

26/06/2008

Filha de peixe sabe...

video

Dançar!!! É assim todos os dias ao fim da tarde com o

DVD da Carochinha e a sua música preferida, O balão do João!

Quando é assim aos 8 meses, nem quero pensar quando chegar a altura do "mãe, vou à discoteca!"...

25/06/2008

Coisas de mulheres

- Onde é que se guarda isto agora?
Respondo:
- Nessa gaveta grande aí em baixo.
Abre a gaveta...:
- Mas.. não estavam aqui os tachos?
- Estavam!...
Ri-se e diz:
- O que a Bimby faz à cozinha de uma mulher!!!!!

(Fora tudo o resto.. Lol)

Da-da

Diz o pai:

- Olha a tua filha escolheu este!

Respondo:
- Escolheu ela ou o pai?

- Escolheu ela! Assim que o viu quis logo agarrá-lo!
E quer levá-lo!

Ai!.. pensava eu que a fase do "eu quero mãe, compra!" ainda vinha longe...

Vir até vem, o pior é que enquanto a filha não sabe pedir, pede o pai por ela!..


23/06/2008

Monday morning...


xiiiuuuu... Faz de conta que hoje é domingo...
Até quarta!

22/06/2008

Calçado oficial da época


Destes, muitos!!! De muitas cores!!

*********************************************************
Visitinhas Jones Act